domingo, 18 de abril de 2010

Na Linha do Tua - Gonçalo

Há algum tempo recebi, por email, uma mensagem de Gonçalo Matos. Pretendia algumas dicas para a realização de uma caminhada na Linha do Tua. A caminhada aconteceu no final de Março e pedi-lhe autorização para publicar o que sentiu, juntamente com algumas fotografias suas do percurso.

"Cheguei hoje desta mini-viagem de 3 dias ao paraíso :-) Fiquei na Casa do Tua durante duas noites e certamente que lá voltarei. Os donos são super simpáticos, os pequenos almoços são de comer e chorar por mais e a vista do quarto para o Douro é assombrosa.
Sempre fiz a caminhada que tinha previsto, do Tua à Brunheda. Depois apanhei o táxi, de regresso ao Tua. Não há palavras para descrever a beleza do vale e o desafio de engenharia que aquela linha constitui. Não tive companhia como previa, pelo que tive que fazer a caminhada sozinho, mas, mesmo assim, foi soberba. Cerca de 7h a caminhar, a ouvir os pássaros e o rio, lá no fundo a bater nas fragas...
É um paraíso que pelos vistos vai desaparecer com a construção da barragem. Após ter passado o 1º túnel, penso que seja o Túnel das Presas, começo a ouvir umas sirenes durante um ou 2 minutos e depois umas explosões. Não vi derrocada nenhuma mas presumo que já andem a rebentar com as pedras para depois fazer a barragem. Desde esse túnel até um bom bocado mais à frente já não existem carris nem travessas, apenas cascalho. Um verdadeiro crime... :-(
Talvez venha a regressar dentro de pouco tempo para repetir a caminhada, desta vez acompanhado."

O meu agradecimento a Gonçalo Matos, por partilhar com o blogue a sua viagem na Linha do Tua.

1 comentário:

cucanzz disse...

que grande documentário. estonteante e surpreendente